Elizabeth del Socorro Ruano Ibarra, Liliana Vignoli de Salvo Souza
Amazônica: Revista de Antropologia, v. 8, n.1, p. 90-117.
Publication year: 2017

Resumo

Este trabalho analisa a inserção das mulheres indígenas no campo político interétnico a partir das narrativas de lideranças femininas e masculinas do povo Ticuna na fronteira colombo-brasileira. Os dados empíricos foram coletados mediante pesquisa etnográfica e sua análise inspira-se no debate acadêmico sobre gênero e feminismos étnicos em perspectiva comparada. A incursão das mulheres indígenas na política interétnica contribui para a crescente politização do seu lugar no mundo, a qual se desdobra em múltiplas exigências públicas e domésticas.

Palavras chave: feminismos étnicos, liderança, comparação, fronteira
Brasil-Colômbia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0